RESTAURANDO ARMÁRIO

Antes do início da obra resolvemos restaurar o armário embutido do dormitório. Ele estava bem deteriorado: puxadores quebrados, dobradiças enferrujadas, verniz desgastado, e com grande parte do fundo mofado (resultado de uma antiga infiltração na parede). Mesmo com todos estes problemas achamos que seria uma boa economia restaura-lo, ele tem uma tamanho muito bom: 3,70 x 2,90. Veja as etapas do restauro:

Muitos finais de semanas de muito trabalho: no começo era bem divertido… no meio quase desistimos… mas no final, foi gratificante

Armário original: com verniz escuro e desgastado

O fundo mofado foi todo removido

Com todas as partes desmontados, utilizamos uma lixadeira orbital para remover o verniz e imperfeições

Com o auxílio de uma pistola de pintura, foram aplicadas duas demãos de fundo base nivelador e lixados manualmente com lixa fina (180)

Em seguida, duas demãos de esmalte sintético acetinado… 

Para o novo fundo utilizamos placas de mdf de 4mm cortadas sob medida na Casa Giacomo

Gaveteiros, calceiros, cabideiros e prateleiras, foram lixados encerados

As portas ganharam dobradiças novas e aguardam demão final e puxadores novos assim que a obra estiver finalizada

PORTA DE ENTRADA

No sábado passado, decidimos resolver a questão da porta de entrada da nossa casa! Ela é fundamental para a definição dos alinhamentos da fachada. Já havíamos procurado em vários lugares, entre eles o gasômetro (em São Paulo), que possui uma grande concentração de lojas de portas e ferragens. Após as buscas, não encontramos o que procurávamos: uma porta com o estilo da época da casa. Com a dica de uma amiga do trabalho fomos ao deposito da Demolidora Solon (www.demolidorasolon.com), que fica um pouco depois da cidade de Cotia. Um paraíso para quem busca material antigo (portas, janelas, portões, dormentes, etc.), e com preços bem honestos!! Passamos algumas horas no local nos divertindo e achamos nossa porta (esta da foto acima), com detalhes geométricos, bandeira com vidros e altura de 2,40 metros (ideal para o pé direito de 3 metros). Ela precisa de um bom trabalho de restauro, mas a madeira (Cedro Rosa) está intacta, e o preço foi ótimo: R$ 250. Aproveitamos e levamos também algumas vigas de Peroba de demolição, que devem ser usadas para a bancada do lavado. Abaixo algumas fotos do depósito da Solon: