PROMOÇÃO MÓVEIS ,OVO

A loja ,ovo está com uma super liquidação com descontos de até 70% até 18 de agosto. Com peças super modernas e divertidas desenhadas pelos designers Luciana Martins e Gerson de Oliveira, trabalhadas em diversos materiais como madeira, metal, laca, estofados entre outros. Presente em muitos ambientes dos vários arquitetos da cena contemporânea no Brasil.

O que mais me agrada são as várias opções de peças articuladas como as mesinhas e estantes trazendo essa versatilidade para o espaço no qual estão inseridos. Outra característica marcante são as cores sempre presentes e quase sempre compondo entre si. Para não perder essa oportunidade a loja fica na Rua Gomes de Carvalho, 830 – Vila Olímpia.

PET FURNITURE

Não resisti não fazer esse post. Atualmente o mercado pet representa mais de R$ 12,2 bilhões reais no Brasil. Todos gostam da companhia de um animalzinho de estimação, eles nos ajudam a desestressar e sair da rotina, e acabam realmente virando “membros”da familia, daí explica-se o grande crescimento desse mercado. Dessa forma, porque não ornar e incluir a vida de nossos companheiros à decoração? Muitos designers tem investido nesse mercado, com ótimos resultados e peças muito bacanas, como camas, brinquedos , distrações e tijelas de água e comida, comercializados até pela famosa Ikea. Seguem alguns exemplos.

 

 

EXPOSIÇÃO CADEIRAS ICÔNICAS DO SÉCULO XX

Cem Anos e cem cadeiras, em exposição no Museu de Arte de Tampa (Florida – EUA) até 16 de setembro, reunindo as cadeiras e poltronas mais iconicas do século XX pertencentes ao museu Vitra Design.  Essa obras-primas dos maiores designers e arquitetos são perfeitas para analizarmos a evolução do design no século passado. Desde as cadeiras Saarinen moldadas em fibra de vidro ao racionalismo de Breuer e sagacidade Venturi, esta exposição só poderia ser melhor se fosse possível se sentar em cada uma das cadeiras para um test drive e podermos avaliá-las não só pela parte estética, mas também pelo conforto.

A cadeira Wassily prjetada por Marcel Breuer data de meados de 1920. É surpreendente que esta cadeira está em produção há quase um século. Construído em tubos de aço dobrados e tiras de couro, é dito ter sido inspirado no design do quadro de bicicleta de Breuer. Bastante agrádavel aos olhos, mas pouco confortável.

Zig Zag Stoel por Gerrit Rietveld 1930 – é a simplicidade, levada ao extremo. Feita de apenas quatro placas de madeira unidas por juntas de cauda de andorinha, a cadeira não parece ser confortável ou seguro. É certamente mais uma escultura.

A famosa Charles Eames e sua banqueta são tão modernas e atuais hoje como eram quando foram lançadas, quase seis décadas atrás. Em produção contínua desde meados dos anos 1950, esta poltrona tem que ser um dos exemplos mais marcantes do melhor do modernismo do meio século.

Outro clássico de meados do século é a cadeira  tulipa por Eero Saarinen. Com simples e elegante diretrizes este projeto de 1950 ainda nos impulsiona e remete ao futuro.

Do final dos anos 50, também bastante conhecida , a cadeira Arne Jacobsen Egg, com seu estilo moderno e divertido.

Revolucionária e marcante é a cadeira desenhada na década de  1960 por Eero Aarnio, a ball chair. Uma forma simples moldada e a cor brilhante se combinam para criar uma cadeira que é também uma “sala”. Os modelos atuais possuem disponível um sistema de MP3 player, para quando você quer ficar longe – mas não muito longe.

A cadeira de Verner Panton, do início da década de 1960 é a primeira moldada por plástico injetado. Disponível em uma grande gama de cores, as cadeiras podem ser empilhadas e se tornaram um objeto comum em refeitórios e escolas.

Não há melhor exemplo do design dos anos 70 do que a cadeira projetada por Frank Gehry: Wiggle chair. Feita de papelão ondulado laminadas em colados , a cadeira celebra as formas livres do design e materiais recicláveis ​​em uma maneira bonita.

Perto do final do século 20 chegou cadeiras como o Tom Vac Rocking Chair de Ron Arad. Estas cadeiras usam novos materiais e técnicas de fabricação para criar uma reinterpretação fresca do modernismo do meados do século.

Você tem uma cadeira favorita do século 20? Compartilhe sobre isso nos comentários!

VERSATILIDADE DO CINZA

Embora o cinza seja tratado como uma cor escura e séria, atualmente está super em alta. Usado nos mais diferentes ambientes e com as mais diferentes combinações, o cinza nos traz um ar de nobreza contrastando perfeitamente com cores quentes ou ácidas, ou simplesmente com a madeira, pedra ou o branco numa composição mais neutra. O cinza não apenas substituiu bege como sendo “o” neutro, mas cinzas são hoje sinônimo de estilo, sofisticação e glamour. Como por exemplo o cinza grafite é mais ousado do que seus irmãos mais leves, mais moderno do que seus primos, os neutros beges, e menos dramáticas do que o preto. E ainda é uma cor que acompanha a identidade dos ambientes podendo ser puxados para tons mais quente, ou mais frio.

 

10 DICAS PARA DECORAR PEQUENOS ESPAÇOS

1-      Ambientes interligados e contínuos

Você pode garantir que os ambientes pareçam maiores interligando espaços com menos paredes e mesmos materiais como mesmo piso, forro contínuo, e mesmas cores (cores claras).

2-       Um bom desenho de marcenaria

Um bom projeto de marcenaria ajuda a aproveitar cada espaço sobrando.

3-      Decoração Clean

As cores claras e frias ampliam os ambientes. Outra dica para deixar o local clean é usar poucas peças (não atulhar coisas) e manter tudo sempre bem arrumado.

4-      Layout  Flexível

Layout que possa ser flexível com peças que só saem do lugar quando serão utilizadas.

5-      Bom Layout

Os móveis escolhidos devem ser muito bem escolhidos, quanto maior os móveis mais o ambiente parecerá maior, mas com cuidado para não ser desproporcional com o ambiente.

6-      Espelhos

Uso de espelhos bem posicionados. Os epelhos refletem o ambiente fazendo parecer maior, é sempre uma boa opção para qualquer espaço.

7-      Linhas marcadas

Linhas horizontais ou verticais ajudam a dar a impressão de aumentar o espaço, seja na largura ou na altura. Opções de elementos que já marcam essas linhas é um piso de madeira com veios ou tábuas marcados em uma direção, papel de parede ou pintura listrada, colchas para a cama listradas, etc.

8-      Altura dos móveis

Móveis mais baixos ajudam ao ambiente parecer maior, além de serem mais modernos.

9-      Cortinas

Cortinas que vão do piso ao teto (ou forro) ajudam ao parecer mais alto e menos dividido.

10-   Peças maiores

Ainda na idéia das linhas, o mesmo vale para o piso frio, quanto maiores as peças menos linhas de rejunte você verá, menos divido, e dessa forma impressão de maior.